Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

delegadoO delegado de Polícia Civil de Teixeiras, José Marcelo de Paula Loureiro é o novo responsável pelas investigações do assassinato do jovem pontenovense Gabriel Oliveira Maciel, 17, morto em Viçosa em março.
Segundo o delegado, um veículo VW/Gol, que foi visto nas proximidades da cena do crime, foi apreendido e nele estão sendo feitas exames de DNA para se identificar se o sangue encontrado em seu porta malas é de Gabriel.
Uma arma apreendida pela polícia em Viçosa também está sendo submetida a exames balístico para comprovar se o projétil retirado do crânio da vítima foi realmente disparado por esta arma.
José Marcelo foi categórico em afirmar que quase todo serviço de investigação foi conduzido pelo delegado Felipe Fonseca e que agora o inquérito está numa fase crucial, aguardando somente o resultado das perícias e informou ainda que já tem o nome de um suspeito.

 

 

corpo

 

O corpo do jovem Gabriel Oliveira Maciel, 17, foi encontrado no final da tarde de hoje, segunda-feira, 09/03/2015, na região da Horta da Universidade Federal de Viçosa, próximo do campo do couceiro.

Uma pessoa passou pelo local a pé e sentiu mau cheiro e encontrou o corpo caído numa vala, à beira da estrada. A polícia foi acionada e amigos de Gabriel estiveram no local e reconheceram pelo porte físico e por uma pulseira de ouro que ele estava usando na festa. Já em estado avançado de decomposição, o corpo de Gabriel apresentava sinais de ter sofrido violência física e estava totalmente nu.

O delegado Bruno Mazini esteve no local e acionou a perícia técnica, que realizou os trabalhos de praxe.

 

 

Relembre o caso aqui.

 

 

 

 

 

Comentários