Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

 

Viçosa tem se tornado referência em Minas Gerais, constando no ranking das melhores cidades para se viver no Estado. O resultado veio através dos últimos índices do IDHM (Indice de Desenvolvimento Humano Municipal). Para realizar essa análise são levadas em conta a longevidade de seus habitantes, o padrão de cultura e educação e a renda. Na lista estão cidades como Nova Lima, Belo Horizonte, Uberlândia e Itajubá, dentre outras. Mas a cidade tem motivos para constar em tal lista.

vu

A cidade tem uma vocação acentuada para a educação. Sua Universidade Federal, além das faculdades particulares, movimenta a cidade com a chegada de moradores jovens. Além daqueles que chegam para estudar e fixam residência temporária, durante todo o ano, estudiosos e estudantes são atraídos para os mais de quinhentos eventos acadêmicos oferecidos na cidade. Tal movimentação faz com que a cultura também seja contemplada com eventos culturais acontecendo em paralelo durante a semana. E como uma boa cidade mineira, os moradores de Viçosa também dispõem de uma vasta culinária.

vicosa-8

A verticalização é um fator que vem chamando a atenção na cidade, e embora isso cause mudanças significativas no crescimento urbano (e todos os problemas que possam chegar), há ainda uma boa estrutura nos campos de saúde, comércio e tecnologia. O clima caracteristicamente tropical é conhecido por suas alterações repentinas ao longo do dia, causando a sensação de mudança de estações no mesmo dia.

Ainda por causa das universidades, há uma busca constante por imóveis de aluguel, com um custo-benefício que se torna atrativo. Lá é possível alugar um apartamento de dois quartos (o preferido) entre R$ 900 e R$ 1.400 reais, um valor abaixo dos praticados na capital Belo Horizonte. Viçosa possui um dos menores preços do metro quadrado no Estado, por volta de R$ 3.274,27, enquanto que na capital  o metro quadrado nas principais regiões gira em torno de R$ 5.220, conforme nos mostra o site Agente Imóvel.

A Redação

Comentários