Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

O Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) decidiu na noite de segunda-feira (28), em Belo Horizonte, pela absolvição do Vereador Edenilson José de Oliveira (PMDB) no processo de cassação de seu mandato. Edenilson recorria de sentença da Justiça Eleitoral de Viçosa, publicada em julho, que julgou e o condenou por abuso de poder econômico ao associar o projeto “Ajude-nos a Ajudar” à campanha que o reelegeu no último pleito. O parlamentar comunicou a vitória durante a reunião Ordinária da terça-feira (29), onde foi parabenizado pelos colegas.

Edenilson afirmou que a denúncia apresentada contra ele não continha provas, e o recurso contra a decisão da Justiça Eleitoral viçosense foi feito de forma transparente: “foi com essa mesma serenidade e transparência que vi justiça sendo feita na noite de ontem”, declarou. O vereador disse ainda que a decisão do TRE-MG foi uma vitória dos seus eleitores. Edenilson foi reeleito em 2016 com mais de 600 votos. “O que prevaleceu e o que sempre prevalecerá na minha vida pessoal é a verdade, a transparência e a honestidade”, finalizou.

Entre as manifestações dos demais vereadores, falas de apoio e congratulações. Idelmino Ronivon da Silva (Professor Idelmino) (PCdoB), disse que o “equívoco cometido em primeira instância foi corrigido pela Justiça Eleitoral”.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO CMV

Comentários