Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

Um jovem de 18 anos foi preso, nesta terça-feira (9), suspeito de estupro de vulnerável em Dom Viçoso, na zona rural de Ervália. A Polícia Militar foi acionada e compareceu ao Hospital Jorge Caetano de Mattos, onde informações davam conta de que uma mulher de 53 anos, que sofre de problemas psicológicos, teria sofrido esse crime.

Ela foi encontrada em casa por um parente, que percebeu que a mesma não havia se alimentado direito, tendo inclusive vomitado e apresentado um sangramento entre as pernas. Questionada sobre o que teria acontecido, ela afirmou que um adolescente e um rapaz estiveram em sua casa, por volta das 11h30, sendo que o rapaz foi quem praticou a relação sexual.

O adolescente foi localizado e confirmou que esteve na residência da mulher com um amigo, porém afirmou não ter presenciado a relação sexual, disse apenas ter visto seu amigo levando-a até um bambuzal, onde ficaram por algum tempo. Depois disso eles foram embora.

O rapaz também foi localizado e confessou o ato. Disse que manteve relação com a mulher por cerca de 15 minutos, que só parou porque ela disse que queria urinar, momento em que percebeu que ela estava sangrando. Ele alegou não ter usado de violência para manter a relação.

Diante dos fatos, o autor foi preso e conduzido a Delegacia de Plantão em Ubá. As vestes foram recolhidas pela polícia e entregues na DPJ. No hospital, ela foi atendida por uma médica e, posteriormente, encaminhada para o Hospital Santa Isabel, na cidade de Ubá.

Comentários