Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

A polícia civil procura um homem acusado de estuprar uma mulher em Viçosa, o criminoso usou o aplicativo para chegar até a vítima e enganá-la. 

A vítima relatou à Polícia Militar que trabalha como consultora de venda de uma empresa e foi procurada por um homem, que demonstrou interesse em se tornar representante da marca. Os dois já haviam se encontrado duas vezes e vinham conversando a mais de uma semana sobre o trabalho.

Na segunda-feira 07/08, por volta das 20h, a jovem foi se encontrar com o suspeito para apresentar a proposta da empresa. Logo que chegou ao local, o autor a levou para a Rua Dona Gertrudes, no Centro.

O suspeito arrastou a jovem para um imóvel e passou a agarrá-la contra sua vontade. Sob ameaça de morte. Após o estupro tomou o celular dela e apagou toda a conversa que eles vinham mantendo pelo wahtsapp.

Após o fato, a mulher procurou a ajuda de um amigo e posteriormente foi levada para o hospital. O autor é pardo, baixo, tem cabelo preto liso e aparenta ter cerca de 28 anos. A PM realizou rastreamento, contudo o criminoso não foi encontrado.

A polícia civil de Viçosa vai utilizar técnicas de última geração para identificar e prender esse suspeito. Em breve teremos notícias da prisão dele.

 

Comentários