Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

Na noite de sexta-feira 23 de junho, os policiais militares  receberam informações da sala de operações, sobre um roubo a mão armada, ocorrido próximo ao bairro Violeira, no qual os autores do crime tinham fugido sentido bairro Silvestre levando celular e outros pertences da vítima.

Durante o patrulhamento pela Avenida Oraida Mendes de Castro, em Silvestre, próximo ao Corpo de Bombeiros Militar, os militares avistaram uma motocicleta transitando na contra mão, ocupada por dois indivíduos, trajando roupas pretas, possuindo as características dos autores do roubo informado pela sala de operações.

Com isso iniciaram acompanhamento visual da motocicleta. Os ocupantes ao perceberem a presença policial, aumentaram a velocidade. tendo iniciado uma perseguição.

Segundo os militares, os suspeitos acessaram a via que dá acesso à comunidade de Paula, onde se encontrava outra viatura policial d já posicionada para realização do cerco ao veículo. Quando  este se aproximou, os militares deram ordem de parada, utilizando gestos, contudo o condutor da motocicleta ignorou a ação policial, aumentando sua velocidade e passando pelo cerco, momento em que o indivíduo que estava como passageiro pulou da motocicleta tomando rumo ignorado e impossibilitando sua identificação .

As equipes policiais iniciaram o acompanhamento ao veículo em fuga, que tomou rumo ao Distrito São José do Triunfo. O condutor só parou depois de cair em um córrego onde existia uma ponte de madeira que dá acesso ao aeroporto e Br120.

Durante a abordagem foi solicitado ao condutor J.B.G.P os seus documentos, porém este alegou que não possuía carteira nacional de habilitação e que o veículo não estava devidamente licenciado.
Foi dada voz de prisão em flagrante delito a ele, pelo cometimento do crime direção perigosa e por dirigir veículo sem permissão/CNH.

    

Comentários