Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+
Quando a ficção passa para a realidade coisas ruins podem acontecer. Um grupo de delinquentes tentou assaltar uma caixa eletrônico no Chile disfarçados com os trajes vermelhos característicos da série ” La Casa de Papel “, mas sem as máscaras do pintor Dalí.

Brincando com o perigo

La Casa de Papel

La Casa de Papel

Segundo a televisão espanhola Antena 3, criadora da série “La Casa de Papel”, em Maipú, um bairro de Santiago, a capital do Chile, um grupo de dez criminosos quiseram imitar, mas sem sucesso, a famosa série.

A história criada pela Antena 3 e transmitida pela Netflix é um fenômeno mundial e há até quem se deixe influenciar pelo enredo na hora de cometer um crime. Na série criada por Álex Pina, um grupo de oito assaltantes toma de assalto a Casa Nacional da Moeda da Espanha e faz reféns durante vários dias, enquanto o cérebro da operação, o “Professor”, comanda as operações a partir do exterior.

De acordo com a polícia chilena, na segunda-feira passada, um grupo de ladrões tentou imitar a trama. Os assaltantes utilizaram o método de saturação por gás para explodir o caixa eletrônico do local.

As testemunhas presentes no assalto contam que os ladrões estavam vestidos com os macacões vermelhos, mas sem as máscaras do pintor espanhol Salvador Dalí, tão representativas da série original da Antena 3.

Pouco depois da explosão, as autoridades foram avisadas e os assaltantes foram presos.

Luis Tenhamm, o chefe da polícia chilena, informou que “o caixa eletrônico contava com as medidas de segurança necessárias. Além disso, o tempo de resposta das autoridades foi de um minuto, o que fez com que os delinquentes não tivessem tempo de retirar as gavetas do dispositivo”.

Naturalmente, os sujeitos tentaram fugir com a chegada da polícia, mas o confronto entre os oficiais e os imitadores teve como saldo um ferido, pelo impacto de uma bala disparada no tórax.

Segundo um comunicado posterior, as autoridades conseguiram capturar outros dois delinquentes e os três detidos têm antecedentes criminais.

É caso para dizer que, pelo menos esses três, vão cantar o “Bella Ciao”, mas na prisão.

Não é a primeira vez que o disfarce da série “La Casa de Papel” é utilizado

O youtuber pernambucano Gerson Albuquerque, de 22 anos, reuniu três amigos para fazer um vídeo ousado: inspirados na série La Casa de Papel, da Netflix, os jovens se fantasiaram de macacão vermelho e máscaras de Salvador Dalí na porta de uma instituição penitenciária, sendo detidos pelos policiais em serviço.

“A Secretaria Executiva de Ressocialização informa que, na manhã desta terça (17/04), quatro homens fantasiados de personagens da série La Casa de Papel invadiram o estacionamento do Centro de Observação e Triagem Criminológica (Cotel), em Abreu e Lima. Os agentes penitenciários realizaram a abordagem e os encaminharam à Delegacia de Paulista para providências legais cabíveis”, declarou o Cotel em nota oficial.

 

Segundo o Jornal de Notícias, o youtuber brasileiro Gregory Kessey e o amigo Nahan Pereira assumiram novos nomes – Belo Horizonte e São Paulo, respectivamente, vestiram os macacões vermelhos, puseram a máscara de Dalí e “invadiram” um banco.

Já no interior da dependência bancária escolhida, os dois jovens analisam as reaçõesdas pessoas, com algumas a abandonarem o local e outras a não conseguirem desviar o olhar dos protagonistas da série.

Poucos minutos depois, um policial entra no banco – o youtuber diz que foi chamado àquele lugar – e conversa com Gregory e Nathan. “Ele começou a dizer que as pessoas podiam nos confundir com apoiadores da Dilma Rousseff e de Lula“, escreveu o “influenciador” digital.

Comentários