Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

capa-da-matc3a9ria15As moradias dos conjuntos ‘Coelhas’, ‘Floresta’ e ‘Sol Nascente’ apresentam rachaduras nas paredes, infiltrações, falhas nas chaves que abrem as casas e vasos sanitários e torneiras defeituosas


Na tarde desta terça-feira (09), os vereadores Marilange Pinto Coelho (PV), Alexandre Valente (PSD) e Idelmino Ronivon (PC do B) se reuniram com o Gerente Geral da Caixa Econômica Federal, Francisco Alexandre da Silva e com a Assistente de Governo, Marília Araújo para tratar dos problemas relacionados aos Conjuntos do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Conjunto Habitacional Sol Nascente

Os representantes da Caixa disseram que não tinham conhecimento do relatório. Os Vereadores solicitaram que ocorra uma sindicância para que engenheiros possam fazer uma vistoria nos Conjuntos e apresentarem um laudo técnico, a fim de que possa ser exigido junto as construtoras todos os reparos necessários.

A Vice-Presidente da Casa, Marilange pontuou que os responsáveis da Caixa Econômica se prontificaram a atender a demanda e reforçou o apoio “aos moradores do conjunto podem contar conosco, nós sabemos da necessidade de vocês serem bem atendidos no espaço”.

O Vereador Idelmino Ronivon salientou que de prontidão foi debatido os problemas estruturais. “Iremos nos posicionar o tempo todo com relação a essa questão para que não fique nenhuma sobra desta demanda. Além desses problemas, existem os serviços que o município pode oferecer como a entrega dos Correios e o aumento do horário de ônibus.”

Vereadores solicitam auditoria

Os Vereadores aprovaram em Plenário, na reunião desta terça-feira (09), a representação de n° 10/2013 solicitando ao setor responsável da Caixa Econômica Federal para que realize uma auditoria técnica (em engenharia) nos Projetos desenvolvidos nos Conjuntos Habitacionais Benjamin José Cardoso (Coelhas), Floresta e César Sant’Anna Filho (Sol Nascente), devido as constantes denúncias relacionadas a problemas estruturais nas construções dos Conjuntos.

Deixe uma resposta

Comentários