Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

José Lopes de AraújoUma tragédia chocou a população de Carangola na manhã desta segunda-feira (24). José Lopes de Araújo, 54 anos, é suspeito de assassinar a companheira Maria da Penha Amorim Mendes, 43 anos, a filha dela Ana Cláudia Amorim Mendes (deficiente física de 22 anos) e o filho caçula, o jovem Claudimar Amorim Mendes, 18 anos, com golpes de enxadão e facadas.

Segundo os vizinhos, ouviram gritos e suposta briga na casa, na noite de sábado, contudo ninguém foi olhar o que estava acontecendo, pois a confusão cessou em minutos.

Nesta segunda feira, como a casa estava sem movimento, os vizinhos chamaram o proprietário e entraram pelo muro do quintal. Foi assim que encontraram os três moradores mortos.

 

As Polícias Civil e Militar e a perícia técnica de Muriaé foram ao local. Os corpos serão encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML) em Muriaé.

A Polícia Civil identificou parentes das vítimas em Alto Jequitibá. A família residia anteriormente naquele município e estava morando em Carangola há cerca de cinco meses.

Na madrugada de domingo, o suspeito do triplo assassinato abasteceu seu veículo Gol em um Posto de Combustíveis por volta das 02:30 e não mais foi visto.

A PC e a PM tentar localizar o suspeito.

Assassino-de-caramgolaFONTE UNIDADE DE NOTICIAS

Deixe uma resposta

Comentários