Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

Armas de viçosa tentativaA Polícia Militar de Viçosa prendeu nesta tarde de 21 de outubro de 2013, em Viçosa os suspeitos de terem tentado contra a vida de JUCIANO JÚNIOR MARTINS, 37 anos, na cidade de São Miguel do Anta/MG, a vítima foi alvo de diversos disparos de arma de fogo, praticado por autores que estavam encapuzados uma motocicleta de cor vermelha, estando o carona portando um revólver calibre .38, o qual foi utilizado nos disparos.

Após tomar conhecimento dos fatos, os policiais militares da 97ª Cia PM desencadearam intenso rastreamento e abordaram o autor BRUNO DIOGO CAMILO, 18 anos, em uma motocicleta de cor vermelha. Posteriormente, receberam informações que os autores do homicídio tentado seriam BRUNO e seu irmão, GUILHERME DIOGO CAMILO, 20 anos.

No bolso de BRUNO foi localizada uma bucha de maconha, a qual foi apreendida e a motocicleta YAHAMA YBR VERMELHA removida, devido estar com licenciamento atrasado.

O autor assumiu a autoria dos disparos contra a vítima, bem como indicou que as armas de fogo estariam com ALEDIR TEIXEIRA DOS ANJOS, que estava trabalhando próximo à sua residência.

No mesmo instante os militares realizaram a abordagem da motocicleta HONDA CG TITAN de cor VERDE, conduzida por GUILHERME, o qual teria participado da tentativa de homicídio.

No distrito de CACHOEIRA DE SANTA CRUZ, os militares abordaram ALEDIR, que indicou onde teria escondido as armas de fogo, locais estes em que os militares encontraram 03(três) revólveres, dos quais, dois eram calibre .38 e um calibre .32, além de diversas munições. Por ter sido localizado um cartucho de espingarda, os militares indagaram os autores acerca da referida arma e foi relatado por GUILHERME que a arma havia estourado, motivo pelo qual entregou duas coronhas de madeira, as quais estavam escondidas nos fundos de sua residência.

BRUNO assumiu a autoria da tentativa de homicídio, mas relatou que não teve ajuda de ninguém, o que foi desmentido pela vítima, que relatou estar os autores o procurando há algum tempo para matá-lo.

Os três autores foram presos e encaminhados a Delegacia de Polícia Judiciária para as demais providências.

3

Deixe uma resposta

Comentários