Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+

De janeiro a junho de 2015, foram registradas 1.080 vítimas fatais em acidentes de trânsito no Estado, 19,12% a menos do que em igual período de 2014

Minas Gerais teve redução do número de acidentes de trânsito em geral nos seis primeiros meses de 2015. Ponto de destaque nesse resultado foi o ritmo de queda ainda maior da quantidade de mortes e de acidentes graves. É o que mostra o Monitoramento de Acidentes de Trânsito – Minas Gerais, produzido pela Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), por meio do Centro Integrado de Informações de Defesa Social, vinculado à Subsecretaria de Integração e Promoção da Qualidade (Supid).

De janeiro a junho de 2015, foram registradas 1.080 vítimas fatais em acidentes de trânsito no Estado, 19,12% a menos do que em igual período de 2014. Na mesma base de comparação, houve diminuição de 18,7% no número de acidentes com pelo menos uma vítima fatal: 1.185 em 2014 e 964 em 2015.

Também no primeiro semestre de 2015, ocorreram 5.764 acidentes com pelo menos uma vítima inconsciente ou com grau de lesão grave, o que significou uma redução de 1.013 casos em relação aos 6.777 do mesmo período de 2014, equivalendo a um decréscimo 15%.

O número total de acidentes de trânsito no Estado, incluindo registros sem vítimas, teve uma redução de 6,7%, de 143.649 de janeiro a junho de 2014 para 133.970 no primeiro semestre de 2015. Ou seja, em números absolutos, 9.679 casos a menos na mesma comparação.

Belo Horizonte

O padrão observado no estado se repetiu em Belo Horizonte no primeiro semestre de 2015. As quantidades de sinistros graves e de vítimas caíram mais do que o número total de acidentes de trânsito. O número de mortes diminuiu 11,9%, o de acidentes com pelo menos uma vítima fatal recuou 9,1% e o de acidentes com pelo menos uma vítima inconsciente ou com grau de lesão grave caiu 15,9%. No entanto, a soma dos acidentes de trânsito em geral teve queda de apenas 3,4%.

Em números absolutos na capital, houve 92 mortes de janeiro a junho de 2014, contra 81 no mesmo período de 2015; 88 acidentes com pelo menos uma vítima fatal contra 80; 703 acidentes com pelo menos uma vítima inconsciente ou com grau de lesão grave, contra 591; e 37.309 acidentes no total, contra 36.059.

Ranking

O Monitoramento de Acidentes de Trânsito – Minas Gerais para o 1º semestre de 2015 traz também um ranking dos municípios do estado em número absoluto de acidentes com pelo menos uma vítima, o que inclui variados graus de lesão.

Os dez com maior número de registros são, em ordem decrescente: Belo Horizonte (5.975), Uberlândia (2.480), Montes Claros (1.689), Juiz de Fora (1.489), Contagem (1.217), Ipatinga (1.031), Governador Valadares (1.005), Uberaba (801), Patos de Minas (736), Sete Lagoas (598) e Divinópolis (581).

FONTE AGÊNCIA MINAS:

Comentários