Compatilhe esta publicação:

Twitter Facebook Google+
CRIME-CABRAL-ok

LOCAL ONDE OCORREU O ASSALTO

Um homem foi baleado durante assalto a uma lanchonete na noite desse domingo (08), em Ubá. Ele teria reagido a ação e atingido o assaltante com uma facada. Os dois foram encaminhados ao Hospital, mas o autor não resistiu aos ferimentos e morreu. Já a vítima foi encaminhada ao centro cirúrgico.

O crime aconteceu por volta das 21h40, em uma lanchonete situada na rua Coronel Júlio Soares, próxima a entrada do bairro Vitória. Uma mulher estava no balcão, acompanhada do filho de cinco anos de idade que dormia ao seu lado, e na cozinha estavam outras duas pessoas, o chapeiro Júlio Cesar Cabral Batista, de 34 anos, e uma mulher. Uma moto estacionou em frente a lanchonete, com dois ocupantes, e um deles entrou armado no estabelecimento e anunciou o assalto. Ele usava capa de chuva e capacete, e segundo relato da PM, tentou passar para o lado interno, atravessando o balcão e indo em direção a mulher e a criança. Neste momento, o chapeiro o teria atingido com a faca. O assaltante revidou, disparando tiros no interior da lanchonete, e depois saiu, subiu na garupa da moto e fugiu.

autor-crime-cabral

Ramon era conhecido pela prática de tráfico, mas não possuia passagem por roubo

O chapeiro foi baleado e encaminhado ao Hospital pelo Resgate. Minutos após, o autor identificado como Ramon Peluso foi encontrado caído a cerca de 500 metros do local do crime, ferido. Ele também foi socorrido ao Hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A quantia de R$ 14 roubada foi encontrada com ele.A Polícia Militar encontrou a moto utilizada no crime abandonada no bairro Noeme Batalha e realiza rastreamento em busca do segundo autor. Ramon possuía passagem por tráfico de drogas, mas não era conhecido da PM por prática de roubos.Familiares de Júlio Cesar estavam abalados e não quiseram dar entrevista.

 

PRESO O SEGUNDO AUTOR DO ASSALTO.

Preso na tarde desta segunda-feira (09) o suspeito de ser o comparsa no assalto a uma lanchonete ocorrido neste domingo, que terminou com uma vítima baleada e o autor morto. Deivid Correa de Freitas, de 24 anos, foi identificado horas após o crime, e desde então era procurado pela PM.  Ele foi preso nas imediações da Praça Guido Marlière e encaminhado a Delegacia.

Daivid é suspeito de ser o piloto da moto utilizada no crime, e teria abandonado o comparsa Ramon Peluso, que estava ferido, durante a fuga. A motocicleta foi encontrada pela PM abandonada próxima a casa do suspeito. No interior da residência, militares encontraram uma capa de chuva preta molhada guardada dentro de um guarda roupas, semelhante a usada pelo assaltante de acordo com a descrição feita pelas vítimas.

Daivid foi levado encaminhado a Delegacia.  Ainda não há informações sobre confissão ou se ele terá o flagrante ratificado.

FONTE: UBÁ EM PAUTA.

Deixe uma resposta

Comentários